sábado, 18 de fevereiro de 2017

CONFIRA A AGENDA DAS OFICINAS DE PRÉ-DIAGNÓSTICO DO ZEE

As oficinas de Pré-diagnóstico do ZEE já tem calendário estabelecido. Tais eventos tem como objetivo promover a importância do Projeto e consolida-lo como instrumento de planejamento e desenvolvimento regional do Rio Grande do Sul.

A programação será composta por um apresentação institucional do ZEE (conceito, abrangência, escala de análise, cronograma de desenvolvimento e estrutura metodológica) e alguns resultados de pré-diagnostico obtidos nas regiões de cada bacia hidrográfica.


 Para ver a qual Comitê seu município está relacionado, clique aqui.

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

ZEE-RS É DEBATIDO NA GEOCIÊNCIAS DA UFRGS


No último dia 11/01 foi apresentado aos alunos do PPG em Geografia da UFRGS, o Projeto Estadual do Zoneamento Ecológico-Econômico do RS. Nessa ocasião estiveram presentes o Prof. Dr. Sidnei Luís Bohn Gass, responsável pela disciplina de “Zoneamento Ambiental como Estratégia Metodológica de Planejamento e Gestão”, e seu grupo de alunos de mestrado. A apresentação foi realizada pelo consórcio Códex Remote/Acquaplan/Gitec Brasil, responsável pela elaboração do ZEE-RS. Na ocasião, foi exposto o modelo de desenvolvimento do ZEE e discutidas sua implementação legal e sua importância no desenvolvimento de planos diretores e zoneamentos menores. 

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

BALCÕES DE ATENDIMETO DA SEMA E DA FEPAM SE INTEGRAM AS AÇÕES REGIONALIZADAS DO ZEE


A dinâmica operacional do ZEERS requer constante aprimoramento nas suas ações para que o processo de trabalho tenha êxito.  Para isso, a necessidade de consolidar parcerias é fundamental no desenvolvimento do projeto. 
Com esse foco, na última quarta-feira, 14, a equipe do ZEE participou da reunião mensal das regionais da SEMA e da FEPAM. Na ocasião foi apresentada a estrutura do ZEERS, suas potencialidades, o modelo regionalizado de participação da sociedade e especialmente a importância de termos as regionais integradas ao desenvolvimento do projeto e execução das oficinas participativas.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

AJUSTE NO MODELO DAS OFICINAS PARTICIPATIVAS DO ZEE DEVERÁ GERAR MAIS EFICIÊNCIA

A equipe técnica do ZEE participou no último dia 13 da reunião da Câmara Técnica de Planejamento do CONSEMA, na qual a consultora do Consórcio Codex/Acquaplan/Gitec, apresentou a redefinição da estratégia de mobilização da sociedade proposta para o ZEE. O modelo revisado das oficinas participativas foi avaliado e as sugestões da Câmara foram fundamentais para identificação de riscos e oportunidades geradas pelo novo processo. Uma nova versão está em fase de ajuste de cronograma e será disponibilizada em breve, qualificando e consolidando o zoneamento gaúcho.

O produto que aborda o modelo de participação das salvaguardas sociais no ZEE também foi apresentado pelo consorcio aos membros da câmara para avaliação e sugestões. 

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

MODELO DE PARTICIPAÇÃO DAS SALVAGUARDAS SOCIAIS DO ZEE É QUALIFICADO POR ANTROPOLOGA DO BANCO MUNDIAL

A antropóloga Ximena Traa-valarezo, especialista em salvaguardas sociais esteve recentemente em Porto Alegre em missão do Banco Mundial com o objetivo de conhecer o modelo desenvolvido pelo ZEE para este segmento da população.  

Durante a reunião, especialistas da SEPLAN, SEMA e do consórcio Codex/Acquaplan/Gitec discutiram o diagnóstico e avaliaram o mapeamento das comunidades tradicionais no RS. Foram apresentados três mapas indicando as áreas de distribuição destas populações no território gaúcho: povos indígenas, quilombolas e pescadores artesanais.

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

BANCO MUNDIAL AVALIA O PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DO ZEE-RS


A missão de supervisão do Banco Mundial, esteve reunida com a Equipe de Coordenação do ZEE na última terça-feira (29). A representante do Bird, Bernadete Lange, apontou os pontos de atenção que devem ser considerados e reportou sua conformidade com o processo de desenvolvimento do ZEE-RS.
Na ocasião a equipe técnica, abordou os procedimentos de instalação e utilização do ecobatimetro, a fase de conclusão da cartografia, os produtos que compõem o inventário e a composição do plano de aquisições.